Blog

Biolerrússia: Porsche Boxster vira ZAZ

Uma oficina automóvel da Bielorrússia combina os conhecimentos de mecânica com as capacidades no trabalho em metal, e na personalização de metal em particular. A equipe pegou em um Porsche Boxster 986 e o transformou em um ZAZ 968, um antigo modelo muito comum na União Soviética. A notícia foi publicada no início de março pelo Jalopnik, conhecido site de fãs de carros.

A Shif Custom é uma pequena e anônima empresa que o Jalopnik não conseguiu detetar em que cidade bielorrussa funciona, mas pouco interessa. O resultado final, na parte estética, é impressionante e você não diria que o carro não é um verdadeiro ZAZ 968.

ZAZ

A Zaporozhets é uma construtora automóvel da Ucrânia que foi uma das grandes fabricantes da União Soviética na segunda metade do século XX. Seus produtos, como era habitual com a produção industrial dos países do Pacto de Varsóvia, não eram conhecidos nos países ocidentais ou fora do Pacto.

Entre vários de seus modelos icônicos está o 968, que foi fabricado entre 1972 e 1994. O objetivo dos carros da ZAZ era serem como os dois grandes modelos alemães: o Trabant, na Alemanha comunista, e o Fusca, na ocidental (e em grande parte dos países do mundo). Pretendia-se que fosse o “carro do povo”, barato, resistente e eficiente. De fato, a grande vantagem desses carros estava na “performance” em estradas de má qualidade e na facilidade de reparação. Junte-lhe um motor traseiro e tinha aí um carro bem divertido de conduzir. Mas nunca teve mais de 1,2 l de cilindrada.

O modelo da Shif Custom seria, portanto, o melhor Zaporozhets 968 do mundo. Todos os interiores de origem do Porsche foram mantidos sem alteração, tal como o excelente motor de 3,2 l. Mas no exterior, todos diriam que é um ZAZ 968 dos antigos.